segunda-feira, 17 de maio de 2010

ESPÍRITO DE EQUIPE É COISA DO PASSADO?



Tenho refletido há alguns dias, sobre espírito de equipe. Todos nós sabemos que no mundo atual, as pessoas estão cada vez mais tendenciosas ao individualismo. O capitalismo selvagem, a necessidade de crescer de modo imediatista, a luta contra o tempo que parece cada vez mais curto, e outras situações que poderíamos elucidar, corrobora para isso. No entanto, é necessário que todos nós pobres mortais, tenhamos diante de nós a necessidade de compartilhar. O ótimo treinador Bernadinho tem uma frase muita boa: “Nunca esqueça que a vaidade é inimiga do espírito de equipe.” Objetivos pessoais, a busca pelo crescimento quando não é mensurada no contexto das minhas atitudes e tarefas do dia a dia, pode comprometer extremamente todo um coletivo. O sucesso de uma equipe se faz com a participação de todos, mesmo que uma ou duas pessoas tenha se destacado no decorrer de um trabalho, todos evidentemente devem colaborar com a sua parcela, de energia, intelîgência e voluntariado. Quando uma equipe vence todos serão beneficiados. Fico um tanto desapontado, quando contemplo alguém retendo conhecimento, agindo com superficialidade e se doando pouco a sua equipe!
Nossa!!! Quando vamos aprender de fato, o princípio de vitória em conjunto? Nossos ancestrais, tinham a idéia fixa da força em conjunto pela sobrevivência. A modernidade e o capitalismo gera cada vez mais o ´´ cada um por si e Deus por todos ´´.
Devemos acordar em quanto é tempo, equipe não é ´´eu´´ equipe é sempre nós. Equipe não é o melhor orador, o melhor cantor, o melhor redator de texto, equipe são partes que se juntam, que unem forças a fim de um só objetivo.
Devo sempre servir e também ser servido, a coletividade é a maior força que os homens podem encontrar para realizar com sucesso seus projetos e ideais.
É necessário comprometimento, mão amiga, voluntariado, empatia e sobretudo foco no objetivo final.
Pense nisso!
Anderson Flávio